Yin Yoga

 

Yoga terapêutico e regenerador

O foco do yin yoga é o alongamento profundo do tecido conjuntivo (ligamentos, tendões articulação). O alongamento profundo, permite desbloquear a energia que está estagnada nos centros energéticos – chakras – , que causa doença física e emocional.

 

As posturas são sentadas ou deitadas, com tempos de permanência de 3-5-10 minutos, o chão permite que o corpo se entregue à postura e com a ajuda dos props (brikes, bolsteres, cintos, etc.) os músculos ficam em repouso, preparando o corpo para um relaxamento profundo. Esse relaxamento tem um impacto significativo no sistema nervoso parasimpático, tornando esta prática terapêutica e regeneradora. Portanto, yin yoga trabalha não só a partir do físico como também do emocional e psicológico.

Beneficios do Yin Yoga

Como o nome indica Yin Yoga é um yoga com qualidades femininas: receptiva, passiva, calma, profunda e sábia. Ao focar-se no tecido conjuntivo, no alongamento da fascia e no relaxamento profundo, os seus benefícios são essencialmente tranquilizantes e regeneradores do sistema nervoso, incidindo nos sintomas de ansiedade, insónia, stress.

 

Melhora as dores de articulações, aumentando a flexibilidade, visto que há uma maior irrigação sanguínea e lubrificação dos ligamentos.

 

Desbloqueia a energia estagnada dos centros energéticos, os chackras. Ao desbloquear a energia estagnada no corpo, muitos praticantes, sentem dor e a emoção que esta presa no corpo liberta-se, podendo causar choro. Mas isto é tudo normal, faz parte da prática e do trabalho profundo de cura.

Hoje em dia é tão difícil parar, observar, ter consciência do por quê adoecemos. Tão pouco temos consciência da nossa respiração, que a maior parte das vezes é debil e limitada. A prática do Yin Yoga, centra-se no parar, no respirar e no observar do que está acontecer na aparente passividade da postura.

 

Assim sendo, o convite do Yin Yoga é estar parado a observar o corpo a trabalhar profundamente com a gravidade e com a respiração consciente e profunda permitir deixar sair o que esta preso no corpo e que já não interessa. Observar essa sensação de pouca flexibilidade, a dor que vai surgindo pela permanência e a respiração profunda que permite libertar a energia/emoção estagnada.

 

O Yin Yoga é também uma porta para a concentração e meditação, é um convite para entrar dentro de si e observar-se de dentro para fora, de conhecer-se noutra perspectiva e de ganhar poder de auto-cura.

 

 

Professora Daniela Cosme